Alegria é fruto do Espírito posição de quem já venceu (Eliezer Rodrigues)

quarta-feira, 24 de janeiro de 2018

PROCESSO DE COACHING: CONECTANDO PESSOAS E GERANDO EVOLUÇÃO






Resultado de imagem para coaching
No mundo contemporâneo, onde estamos cercados por um sistema capitalista que nos leva ao consumo desenfreado, pensamentos superficiais e ações automáticas, diversas vezes somos conduzidos como uma máquina com o dever de produzir, gerar resultados para acumular bens e patrimônios, nos proporcionando o sentimento de ter mais poder quanto maior o capital.
             Pessoas, sentimentos e a essência da própria existência do ser humano vai se apagando a cada dia, a beleza e a descoberta que a vida é a além de coisas não são percebidas. Deixa-se de refletir, de se emocionar de viver e se encontrar com o seu próprio “EU” para viver a melhor história de cada vida.
            Diante de todo esse cenário, o estudo da psicologia positiva, que é o estudo em busca da felicidade é o que mais cresce nas universidades americanas, e assim, uma das ferramentas que demonstra muita eficiência é o processo de coaching, proporcionando o ser humano se conectar com ele mesmo para poder se conectar com as pessoas e se conectar com o mundo.
            Esse processo permite a visualização da felicidade dentro do seu “eu”, com atos e sentimentos de felicidades em uma esfera superficial na dependência das coisas do ambiente externo ser um dos fatos geradores da felicidade. A permissão do encontro com o “nós” a felicidade sendo propagada em nós pela felicidade das pessoas que nos cerca, que faz parte do nosso ciclo de convivência social e relacionamentos, como amigos, família, comunidade entre outros. E finalizando o ultimo nível da felicidade é a conexão do ser humano com o mundo qual o legado que deixará para o mundo após sua partida, qual a sua verdadeira causa de existir.
            O processo de coaching permite a conexão do ser humano com seu próprio “eu”, com as pessoas “nós” e com o nosso propósito de vida e legado deixado ao mundo. Com essas três conexões o ser humano evolui a cada dia e situação obtendo melhor performance e acelerando os resultados que de fato fazem sentido na sua essência.

quinta-feira, 26 de janeiro de 2017

ESCOLA DE NEGÓCIOS

http://escoladenegociosacipi.com.br/noticia/cursos-de-curta-duracao-movimentaram-a-escola-de-negocios.html

CURSOS DE CURTA DURAÇÃO MOVIMENTARAM A ESCOLA DE NEGÓCIOS

A Escola de Negócios ACIPI realizou nesta semana dois cursos nas áreas de "Gestão de contas a pagar x contas a receber" e "Gestão de custos". As turmas estavam completas e os treinamentos foram realizados com sucesso. 

Para o docente Franco Takakura, responsável pelo treinamento de Gestão de contas, o objetivo do curso foi "oferecer ao participante total condição de entendimento e capacidade de análise e exploração das estratégias para administrar o departamento de contas a pagar, contas a receber e tesouraria, realizar melhoria de processos, otimizar a operação e aumentar a eficácia da empresa, por meio de uma administração compartilhada com as demais áreas da cadeia de negócios". As aulas se destacaram pela dinâmica e pelos trabalhos em grupo. O curso de Gestão de contas, pela Escola de Negócios, já havia sido oferecido no mês de janeiro, mas, devido a grande procura pelo treinamento, a Escola de Negócios realizou uma nova turma. 




sexta-feira, 2 de dezembro de 2016

Gerenciamento de Risco na Gestão de Projetos

Na contemporaneidade, a Gestão de Riscos é um tema que está em evidência em todo o mundo. Estamos passando por uma série de intempéries, como por exemplo, o estouro da “bolha” imobiliária em 2007, que foi a maior crise imobiliária da história dos Estados Unidos, que refletiu acarretando uma grave crise econômica em todo o planeta; as intempestivas mudanças climáticas, a crise energética que assola o Brasil desde o início dos anos 2000, os ataques terroristas efetuados pelo Estado Islâmico, etc. As empresas também procuram expurgar, mitigar os seus riscos ao máximo, como por exemplo, riscos de variações de preço de “commodities” (mercadorias como cobre, alumínio, ferro, soja, etc.) dolarizadas. O objetivo deste estudo é apresentar os conceitos, ferramentas e técnicas proporcionadas pelo Gerenciamento de Risco em Projetos.  Dentro dessa visão mensurar o modelo sugerido pelo PMBOK e seus benefícios após a aplicabilidade. Outro objetivo proposto é a aplicabilidade dessa ferramenta em um projeto numa empresa produtora de energia eólica.  A Metodologia da pesquisa é exploratória, aplicada e desenvolvida sob a forma de um estudo de caso referente a uma empresa fabricante de aerogeradores e turbinas eólicas situada na região Nordeste do Brasil.